Noticias

É relação, é colo, é afeto, é explorar, é brincar, é encantar-se.

Aos Pais,

O que é a creche?

É relação, é colo, é afeto, é explorar, é brincar, é encantar-se.

 

Com a pandemia deparamo-nos com o real valor da creche. Dos educadores, das auxiliares, da equipa da cozinha e da limpeza. Todos eles importantes para o trabalho desenvolvido na creche.

A nossa instituição vai abrir, e todos nos perguntamos como?

Bem sabemos que tudo o que é novo nos causa medo e insegurança, mas temos de pensar, em primeiro lugar, que o bem-estar das nossas crianças depende da atitude do adulto, cuidadores e educadores.

Elas vão estar a observar-nos, por isso sorriam.

As creches vão abrir com novas orientações e tenham presente que o que vamos e podemos fazer será sempre o nosso melhor. Contamos convosco para arranjar novas soluções e manter a energia positiva.

Vamos utilizar e pesquisar novas estratégias, estar atentos ao que acontece noutras escolas e vamos ler muito. Umas vezes vamos acertar, outras errar, mas iremos todos aprender para melhorar a nossa prática.

É um facto que o distanciamento social não existe em creche, que os bebés e crianças exploram o meio com todos os seus sentidos.

 

Então o que podemos fazer, nesta situação, pelas nossas crianças?

– Vão ser recebidas como estrelas;

– Vão brincar mais, só com o seu grupo de amigos;

– Vão brincar mais vezes no exterior;

– Vão dormir noutra perspetiva: cabeça, pés, cabeça, pés;

– Vão ter uns sapatos super fixes, só para a creche;

– Vão brincar com a água cada vez que lavarem as mãos.

 

Enquanto equipa pedagógica:

– Vamos retirar algumas mesas da sala para termos mais espaço;

– Vamos selecionar brinquedos mais significativos e fazer uma rotatividade e higienização diária;

– Vamos deixar de usar toalhas e turcos e usar mais papel e toalhitas;

– Vamos usar máscaras, coloridas ou transparentes;

– Vamos partilhar os nossos recados e o nosso dia pela plataforma;

– Vamos sorrir muito, mesmo só com os olhos.

Quando as nossas crianças regressarem à creche, passado dois meses e meio de estarem em casa, podem chegar super animadas ou então soltar umas lágrimas, e sim, vamos dar colo para as confortar.

Também sabemos que alguns pais podem optar por ficar com os seus filhos em casa e nós compreendemos e aceitamos.

Contamos com todos, pais, avós, comunidade para abrimos as nossas portas e receber as nossas crianças com confiança.

A Equipa Pedagógica do CSFF

Tags

Fazer um coméntario

×

Olá!

Fale com connosco no WhatsApp, pelo tel. 262 552 094 ou envie-nos um email para: csdfdf@sapo.pt

× Olá, em que podemos ajudá-lo?